segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

A arrumação...

As que me acompanham há mais tempo, se tiveram saco provavelmente leram este post onde com dor no coração eu assumi que minha casa era uma zona e que eu tinha medo de entrar lá sozinha a noite e me perder e marido achar que eu larguei ele, fui embora e colocar outra no meu lugar, ou de me fraturar tentando pular todas as montanhas de roupa para chegar no quarto, ou me infectar com uma bactéria poderosíssima vinda de uma batata esquecida há 5 meses na gaveta da geladeira sou "um pouco" desorganizada.
Grande parte do problema foi resolvida com a contratação de um anjo que vai lá uma vez por semana... Ela limpa e a gente se esforça para manter do jeito que ela deixou até a próxima semana... e tem dado certo, mas tem coisas que ela não pode fazer por mim... como separar as coisas que eu não uso mais para passar para frente!!! Então ontem foi o dia!!!
Estiquei o lençol, coloquei o marido deitado na cama, tirei a roupa... (desiludi o marido de que alguma coisa aconteceria) e comecei a provar as roupas do armário para saber o que aos 4 meses de gravidez me servia, e o que já estava condenado ao esquecimento pelos próximos meses...
Como eu vejo e olho, e aliso, e apalpo, e acaricio, e olho de novo minha barriga todo dia, não tenho muita noção do quanto já cresceu... percebo claro que está crescendo, que o umbigo está ficando mais rasinho, que existe um "calombo" que começa um pouco acima do umbigo... mas noção mesmo do quanto já cresceu é difícil....  e PUTA QUE PARIU para meu espanto metade das roupas compradas há um mês atrás durante a viagem já estavam "toradinhas" sabe blusa de marombado que gosta de exibir os musculos e para isso usa tudo justiiiiiinho... os botões de algumas camisas fechavam apenas até a metade... algumas blusinhas só desciam até a metade da barriga... calças jeans de cintura baixa ainda servem, mas apenas na posição "de pé", sentar nem pensar (fiquei imaginando eu na fila do banco e alguém dizendo: Senta aqui moça, vc está grávida!!! E das duas uma, eu sento, o botão estoura e fere o segurança mortalmente e eu sou presa por tentar assaltar o banco ou eu tenho que explicar que não posso porque minha calça é só para ficar em pé)!!!
Ai fui separando e colocando em sacos o que não servia mais... fiz uma pilha de roupas que PRECISAM ser usadas esta semana ou semana que vem antes de aposentar... e uma pilha de roupas que eu acho que servirão até o final da gravidez...
OBVIO que o marido riu... Disse que mês que vem faz questão de deitar de novo e assistir a uma nova sessão de prova de roupas só para ver eu ensacando daqui a poucas semanas a metade das roupas que eu hoje acho que me acompanharão até a maternidade....

Uma ótima segunda feira, e uma semana "arrumadinha" e bem barriguda para todas nós!!!

4 comentários:

Bruna A. Rolemberg disse...

Nossa imagino como deve perder rápido as roupas né?
Não dá uma dor no coração não? rs

Beijs
http://www.blognossahistoria.com/

Talita disse...

Putz seu marido deve rir horrores com vc (ou será de vc? rs)!!!
Brincadeiras a parte, apesar da parte chata de perder as roupichas, deve ser bem gostoso perceber a barriga crescendo e saber (que não é gordura rs) que é seu filhotinho se desenvolvendo.
E isso não tem preço não é?
Bjos

Mommy-to-be disse...

Aqui por enquanto a barriga ainda não cresceu... mas os peitos...tem camisa que já não fecha em cima, kkkkkkk...

Imagina como as coisas vão ficar daqui pra frente!

Tô louca pelo post das comprinhas nos States... cadê?????


bjins pras duas

Val disse...

Oi linda
Nossa, por aqui a mesma coisa! O que tá me salvando é um negocio que eu comprei que chama BellaBand... É uma faixa que vc coloca na barriga e aih vc nao precisa fechar o ziper e o botão das calças! É coisa linda de Deus, hehehehe! Eu ainda nao tive que comprar nenhuma calça de grávida, só blusas mais compridinhas mesmo, já que tá fazendo um frio do cão aqui...
Beijos!